Espumantes de Napa Valley – Mumm Napa

Continuando nossa viagem enogastronômica, e para fechar com chave de ouro o “Dia dos Espumantes da Califórnia”, em nosso primeiro dia de nossa estada no Napa Valley, visitamos a tradicional e prestigiada Mumm Napa Valley.

 

Entrada da Mumm Napa na Silverado Trail Rd. Rutherford / Napa Valley

A Mumm Napa Valley está localizada na Silverado Trail na AVA Rutherford, que apesar de ser um terroir especialmente ótimo para as uvas da casta Cabernet Sauvignon, está voltada para a produção de Espumantes. Utilizando em seu processo apenas uvas das Castas Pinot Noir, Chardonnay, Pinot Meunier e Pinot Gris.

AVA Rutherford no Napa Valley

Chegamos ao local, sem ter feito nossas reservas para o tour, embora já soubesse que na Mumm acontecessem 4 tours ao longo do dia, as chances de o tour estar cheio no final de semana eram grandes. Mas mesmo assim decidimos arriscar e deu certo. Mas certamente se a colheita estivesse acontecendo como deveria normalmente estar nesta época muito provavelmente não teríamos conseguido lugar.

Mumm Napa – Especializada em Espumantes de Alta Qualidade

Fizemos nossa inscrição para o tour das 15:00 por 20 USD por pessoa. E enquanto o tour não começava aproveitamos para dar uma olhada no showroom da vinícola. Seus espumantes, livros, e utensílios para vinhos.

Show Room da Mumm em Rutherford/Napa Valley

Antes ainda do tour começar nos informamos sobre a possibilidade de nos tornarmos “membros” da vinícola e assim ter diversas vantagens e ainda receber em meses alternados 2 garrafas de cuveés especiais.

Zínias Floridas no Jardim de entrada da Mumm Napa

Diversas vinícolas que visitamos no Napa Valley possuem esta modalidade de fazer um “Membership” e desta forma receber por correio garrafas de vinhos reserve e espumantes cuveé especiais. Porém infelizmente devido às diferentes legislações estaduais deste país, os moradores de uma série de estados não pode fazer o Membership. E obviamente Delaware estava na lista dos 19 estados o que nos tornou inelegíveis ao “Membership”. A título de curiosidade fazem parte desta lista em que mandar bebida alcoólica pelo correio é proibido, os seguintes Estados: Alabama (AL), Arizona (AZ), Arkansas (AR), Delaware (DE), Indiana (IN), Kentucky (KY), Louisiana (LA), Maryland (MD), Massachussetts (MA), Mississipi (MS), Montana (MT), New Jersey (NJ), Ohio (OH), Oklahoma (OK), Pennsylvania (PA), Rhode Island (RD), Tennessee (TN) e Utah (UT).

Lista de Estados Elegíveis e Inelegiveis aos Memberships

Aproveitei ainda para dar um pulo no banheiro e lá haviam algumas frases digamos curiosas. Como esta atribuida à Napoleão Bonaparte “Na vitória você merece Champagne, na derrota você precisa dele”.

Frase de Napoleão Bonaparte sobre o Champagne

No horário marcado, nosso guia apareceu e lá fomos nós conhecer o interior da Vinícola. A primeira parada, ainda do lado de fora, foi em um parreiral demonstrativo com as exemplares das 4 diferentes castas de uvas utilizadas pela Mumm Napa. Como já comentei anteriormente as uvas tradicionalmente usadas em vinhos espumantes são Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier. Além destas 3 tradicionais castas francesas eles também cultivam a Pinot Gris que apesar de originária da Alsácia é amplamente cultivada na região norte de Veneza na Italia, onde se produz o Pinot Grigio.

Parreirais Demosntrativos na Mumm Napa

Estas 4 uvas são escolhidas para a produção de espumantes em fução de um menor nível de açúcar, ou grau brix (unidade utilizada para expressar a quantidade de sólidos solúveis totais presentes no suco da polpa do fruto).  

Uvas Chardonnay Mumm Napa

Uvas Pinot Noir Mumm Napa

Assim como na Domaine Chandon foi muito legal ver as diferentes castas de uvas lado à lado. Na Mumm por sua vez o parreiral lembrava mais uma área de produção do que um parreiral demonstrativo. Nosso guia ainda falou para experimentarmos as diferentes uvas para sentirmos a diferença entre elas. Mas como ainda estavam verdes o sabor não estava lá essas coisas.

Uvas Pinot Meunier Mumm Napa

Uvas Pinot Gris Mumm Napa

A arquitetura da Mumm também é bem diferente das outras vinícolas que visitamos, esta lembra bastante um rancho. Interessante observar que algumas árvores (Carvalhos) que existiam no local foram preservadas no projeto.

Entrada da área da primeira fermentação alcoolica na Mumm Napa

Assim que adentramos na vinícola, onde estão localizados os tanques de Aço Inox da primeira fermentação e onde ocorre a Asemblage tivemos nossa primeira prova. Por sinal estes tanques que na Domaine Chandon estavam dispostos na horizontal, aqui eles estavam dispostos na vertical.

Tanques de Fermentação e enorme Tanque branco, onde ocorre a Assemblage dos vinhos

Enquanto degustavamos o Brut Prestige íamos tendo uma pequena introdução histórica sobre a Mumm Napa. Fundada em 1983, pelo visionário produtor francês Guy Devaux, a Mumm Napa logo se tornou uma das paradas obrigatórias de quem visita o Napa Valley, um dos destinos mais populares entre os turistas que visitam o Vale e com toda a razão.

Primeiro Tasting na Mumm  Napa. Na área da 1a Fermentação

Assim como no caso da Domaine Carneros e da Domaine Chandon, a Mumm é uma vinícola de estirpe francesa que assim como as outras duas procurando expandir seus negócios e sua produção para fora da França começou a procurar outras areas com potencial vitivinícola.

Enormes tanques de fermentação na Vertical

No caso específico da Mumm este processo começou em 1979, quando a lendária casa de Champagne Francês de GH Mumm com sede em Reims começou a busca pela área ideal para investir na viticultura dos EUA. O projeto ficou à cargo de Guy Devaux, um especialista com mais de 40 anos de experiência na criação e desenvolvimento de vinhos espumantes na França, na América do Sul e nos EUA.

Champagne Cordon Rouge Frances, Marca utilizada pela F1

Foram necessários quatro anos para que Devaux encontrasse um terroir ideal e desta forma estabelecer a nova vinícola. Ele atravessou a América comprando uvas e pequenos lotes de vinho que ele considerava nobre. Sua única regra era encontrar um “terroir” onde poderia desenvolver e criar uma vinícola para produzir espumantes de alta qualidade pelo méthode champenoise.

Antigo processo de fechamento das garrafas na segunda fermentação

Assim como outras produtoras de espumante, Guy Devaux encontrou no Vale do Napa as condições ideais para produção e fornecimento consistente de bons frutos para a produção de vinhos. Os longos dias quentes e noites frescas promovendo a maturação perfeita e mantendo a acidez equilibrada.

AVA Rutherford, onde esta localizada a Mumm Napa

Em 1986 a primeira garrafa de um Mumm Napa Cuvée, foi finalmente aberta brindando o início operacional desta excelente vinícola, que utiliza as técnicas clássicas e as teorias que foram inventadas na região de sua vinícola Mãe em Champagne há cerca de três séculos atrás.

Aspecto da Vinícola do lado de fora

Guy Devaux faleceu em 1995, Mas a Mumm Napa continua o processo de produção concebido por ele praticamente inalterado. E hoje conta com mestre produtor Ludovic Dervin,  que usa de sua experiência internacional para produzir os famosos de vinhos espumantes da Mumm Napa utilizando o aclamado méthode traditionelle.

Porta de Entrada para o Tasting Room

Foi realmente uma pena não ter conseguido pegar o início da colheita este ano , como haviamos planejado. Pelo menos os frutos ainda estavam nos parreirais. Seguindo a tradição da produção dos vinhos espumantes, os cachos das uvas são cuidadosamente colhidos manualmente, selecionados e transportados com o menor dano possível à fruta. No caso da Mumm, eles utilizam em pequenas caixas plásticas amarelas.

Aspectop do Interior do Tasting Room

Na vinícola estes cachos são debulhados e suas uvas passam a ser processadas. Ao contrário da Chandon, onde a primeira fermentação é feita com as uvas inteiras. Na Mumm Napa as uvas oriundas da colheita são delicadamente debulhadas e prensadas, desta forma se obtendo o mosto prensado para a primeira fermentação.

Antiga Prensa de Uvas Mumm Napa

Para assegurar a personalidade do espumante no estilo de méthode champenoise, cada garrafa é fermentada separadamente seguindo o processo semelhante ao descrito no Post da Domaine Chandon. E, igualmente importante para a Mumm Napa,  é a questão da origem das uvas, suas castas e terroirs utilizadas no processo de Assemblage na composição do vinho base do Espumante. Todas as uvas utilizadas pela Mumm Napa são inteiramente oriundas do Napa Valley.

Aspecto no Interior da Vinícola – Mumm  Napa

Antes de iniciar a colheita o mestre produtor vai ao campo conferir e determinar o exato estado de maturação das uvas. E só quando ele dá o OK que o processo de colheita das mesas se inicia.  A Mumm Napa utiliza principalmente uvas de fontes/produtores localizados na região sul da AVA Carneros. É nesta região que se produzem as melhores uvas para a produção dos espumantes no Napa Valley, como já comentei nos Posts da Domaine Chandon e Domaine Carneros.

Interior da Vínicola, quase ao fim do Tour

A Mumm, assim como a Chandon ainda utiliza uvas provenientes da AVA Yountville. Cada uma destas áreas empresta uma característica diferente ao Espumante. Nem todas as uvas utilizadas por eles vem de parreirais próprios. Graças ao bom relacionamento e um contrato de longo prazo com produtores top de linha, o fornecimento de uvas de excelente qualidade esta garantida, e dando assim continuidade à cadeia produtiva.

BOB uma das máquinas utilizada no processo industrial de produção de Espumantes

Obviamente uma vinícola com o renome como a Mumm não pode depender totalmente de terceiros para o abastecimento de sua produção. Eles tem também áreas próprias como o Devaux Ranch, uma propriedade situada na região de Carneros. A qual avistamos em nossa visita à Vinícola Artesa.

AVA Carneros – Ótima para produção de Uvas Pinot Noir e Chardonnay 

Os vinhedos desta propriedade possui alguns dos melhores e mais antigos solos da região, incluindo um dos únicos afloramento de calcário encontrado na área. Segundo nosso guia durante a visita, o calcário é um importante componente do solo da região de Champagne na França. O que contrui  e influência diretamente o vinho produzido naquele terroir.

Uvas Chardonnay Mumm  Napa

Com base nesta pequena introdução, continuamos nosso tour pela vinícola. Ainda assistimos a um breve vídeo institucional mostrando a colheita e processo de produção dos espumantes. Que infelizmente ficou para ser visto apenas em vídeo.

Gargalo de garrafa de Espumante congelado para o Degórgement

A próxima parada do nosso tour foi numa galeria de fotos lindíssimas, abrangendo fotos de todas as etapas de produção, desde fotos das vinhas, poda, floração, frutificação, colheita e produção do vinho propriamente dita. Além de retratos contando parte da história da vinícola.

Antigo processo de Degórgement a la voilé

Dali seguimos para a linha onde o vinho fruto da assemblage é colocado nas garrafas com as leveduras para a segunda fermentação. Embora só pudessemos ver o local de longe as explicações do guia eram realmente interessantes. Embora muita coisa já haviamos escutado no tour na Domaine Chandon, foi muito interessante ver diferentes métodos de produção. Nesta etapa fizemos a degustação do segundo espumante.

Galeria no Interior da Mumm Napa

Seguindo adiante e já no finalzinho de nosso tour pela Mumm, além de experimentarmos o último dos espumantes, no final daquele corredor havia uma sacada, com uma belíssima vista dos parreirais verdinhos e as montanhas emolduradas pelo céu azul quase sem nuvens nesta hora.

Vista dos vinhedos na AVA Rutherford na Mumm Napa

Era difícil acreditar que um dia feio como aquele de quando deixamos San Francisco podia ter se transformado num dia tão bonito como este. Depois que a ficha caiu.. é exatamente isto que faz do Napa Valley um lugar tão especial, único e ideal para a Vitinivicultura.

Paisagem na AVA Rutherford Napa Valley

Nesta parte final da visita ainda podemos ver o processo de Remuage automatizada ocorrendo. Bem como a linha de Degórgement e expedição, que por ser final de semana não estavam funcionando.  E descobrimos porque existe nos espumantes aquele papel alumínio em torno do gargalo. No passado quando o Degórgement era feito o nível final do espumante na garrafa variava muito. Desta forma esta diferença era “mascarada”. Atualmente a diferença de volume entre uma garrafa e outra é praticamente desprezável, mas o negócio pegou e virou tradição.

E desta forma, apreciando a paisagem e tomando um Espumante produzido ali mesmo terminamos nosso tour pela Mumm Napa.  Ainda demos uma passada pelo recém inaugurado Oak Terrace. Um local ideal para relaxar tomando um espumante com uma vista belissima para os parreirais.

Oak Terrace Mumm  Napa

Os Espumantes que experimentamos em nosso tour foram segundo a ordem em que foram servidos:

Produtos produzidos pela Mumm Napa

Brut Prestige composto por 51% de uvas Pinot Noir, 46% de uvas Chardonnay, 2% de Pinot Meunier e 1% de Pinot Gris.

Cuveé M composto por 48% uvas Chardonnay, 43% uvas Pinot Noir, 6% Pinot Gris e 3% de Pinot Meunier.

Reserve Brut composto por 60% uvas Pinot Noir e 40% uvas Chardonnay.

 

Informações úteis:

 

Mumm Napa Valley

Tours

Os tours, desta vinícola acontecem 4 vezes ao dia às 10h,  11h, 13h e 15h

O tour das 10h é gratuito porém sem degustação

Os outros tours custam 20 USD por pessoa para maiores de 21 anos e 10 USD para menores (sem degustaçã0)

Aproximadamente 50 minutos de duração

 

Degustação

A degustação abre das 10:00 às 16:45, sem necessidade de reservas para grupos de até 6 pessoas.

Custo variável entre 6 e 30 USD por pessoa’

Para o Oak Terrace é necessário fazer reserva e custa 30 USD por pessoa

 

Endereço

Mumm Napa

Silverado Trail
Napa, California 94558

 

Veja Também:

   

Para facilitar a vizualização das vinícolas e das atrações que comentei ao longo destes 11 Posts sobre o Napa Valley criei um Mapa no Googlemaps para ajudar no planejamento de quem pretende visitar esta região. Aqueles lugares que visitamos e que estão publicados na forma de Posts aqui no MauOscar estão com o logo do Blog. Aqueles com a taça são outras vinícolas que gostariamos, caso tivessemos mais tempo ter tido a chance de visitar. Enfim basta seguir a legenda. Tin-Tin

Clique no Mapa para ir para o Googlemaps

 

Todos os Posts da Série Napa Valley:

 

  Guia Vinícolas Napa Valley EUA – Post Resumo

 Napa Valley – Os melhores dos vinhos dos EUA estão aqui!! 

 Espumantes de Napa Valley – Domaine Carneros

 Espumantes de Napa Valley – Domaine Chandon 

 Vinícola V. Sattui em St. Helena – Napa Valley

 Espumantes de Napa Valley – Mumm Napa 

 Vinhos Napa Valley – Vinícola Artesa

 Vinhos Napa Valley – Rubicon Estate e os Vinhos de Francis Ford Coppola 

 Vinhos Napa Valley – Castello di Amorosa

 Visitando uma Floresta de Sequóias Petrificadas

 Tanoaria: Como os Barris de Carvalho são Produzidos

 

Posts Relacionados:

 Highway 1 na California: De San Francisco até Santa Cruz

 Sequóias na Califórnia – Uma floresta de gigantes 

 Bento Gonçalves Capital Brasileira dos Vinhos

 

Índice com todos os Posts do MauOscar

<= Clique na Logo

Siga o MauOscar.com também no:

 

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

No Responses to “Espumantes de Napa Valley – Mumm Napa”

  1. carlos eduardo nascimento
    30/09/2010 at 8:38 pm #

    gostei muito. uma aula etilica

    • Mauoscar
      01/10/2010 at 9:20 pm #

      Legal tio Du…

      Ainda virão vários outros posts sobre esta viagem :D

  2. Diana
    21/07/2013 at 5:49 pm #

    Olá! Estou adorando os posts sobre o Napa Valley! Não poderei, infelizmente, visitar todas as vinícolas… Vou com meu marido e meus pais e faremos apenas um passeio de um dia, “bate e volta”, de São Francisco. Quero ir na Rubicon Estate e em alguma de espumantes… Vocês gostaram mais da Mumm ou da Domaine Carneiros? Obrigada!

    • Oscar Risch - MauOscar Blog de Viagens
      29/07/2013 at 6:06 am #

      Diana

      Entre a Domaine Carneros e a Mumm eu fico com a segunda. Porém a Domaine Carneros está na entrada do Napa Valley e vale dar uma paradinha nem que seja apenas para algumas fotos

  3. Diana
    21/07/2013 at 5:55 pm #

    Perdão! Mumm ou Domaine Chandon?

    • Oscar Risch - MauOscar Blog de Viagens
      29/07/2013 at 6:13 am #

      Diana

      Acho que neste caso, a Chandon é mais interessante. Técnicamente ambas são muito parecidas, mas pelo fato de termos uma das filiais da empresa no Brasil (Farropilha), é legar conhecer e posteriormente poder comparar. Nos EUA eles produzem os espumantes com o Methode Tradionelle, já no Brasil eles produzem os espumantes no método Charmat.

      • Diana
        29/07/2013 at 7:49 pm #

        Obrigada pela gentileza em me responder! Vou fazer a reserva! E parabéns pelo blog. Conheci qdo estava planejando uma viagem por NY, Washington e Pensilvânia e agora estou lendo todos os posts de Napa!

        • Oscar Risch - MauOscar Blog de Viagens
          30/07/2013 at 7:16 pm #

          Legal!
          O Napa Valley é uma delícia :D

Trackbacks/Pingbacks

  1. Guia Napa Valley EUA « Mauoscar - 05/11/2010

    [...] Mumm Napa Valley http://mauoscar.com/2010/09/25/mumm_napa/ [...]

  2. Sourdough o Pão de San Francisco « MauOscar - 10/02/2011

    [...]  Espumantes de Napa Valley – Mumm Napa [...]

Leave a Reply