Dicas e Relatos de viagens ao redor do mundo

Adaptação aos EUA

29

Na Semana passada recebi um comentário aqui no Blog da Andrea Sebben, psicóloga de Porto Alegre que trabalha com algumas áreas bem interessantes da Psicologia, ligada aos aspectos do processo de expatriação, interculturalidade, etc.. Temas que de uma forma ou de outra estão diretamente ligados a nossa vida de expatriado.

Quando eu recebi o email para moderação eu tive a impressão de que esse nome não me era estranho, fiquei pensando por algum tempo e lembrei que ela é a autora do livro “Expatriado.com” no qual a nossa amiga de Curitiba Jumara Bostelmann, que hoje mora em Orlando na Flórida, escreveu um capitulo intitulado Intercâmbio cultural depois dos 40?.

Hoje relendo este Post de final de Agosto de 2009, quando estávamos iniciando os nossos preparativos da mudança de Cingapura para Delaware nos EUA, o que confesso acho muito legal; Pois ler o que você escreveu a certo tempo atrás faz você conseguir sentir novamente toda aquela sensação do momento, que a gente só consegue capturar através de fotos, vídeo ou mesmo com um texto.

Esta experiência é uma verdadeira injeçao de animo, que me faz não desistir de continuar escrevendo. Pois são os detalhes que aqui escrevo são aqueles que muitas vezes acabam passando despercebido na nossa memória e muitas vezes acabam ficando confusos no tempo.

Tendo em mãos naquela época algumas dicas dadas por um email pela Jumara e o Kedny comentando sobre os primeiros passos “burocráticos”deles aqui nos EUA, resolvi escrever este Post especial comentando essas dicas.

Além disso ontem, depois de algumas tentativas frustradas finalmente fizemos um Jantar para o nosso Anjo da Guarda aqui em Delaware a Chris Trincia, pessoa que nos ajudou em tudo desde nossa chegada aqui na terra do Tio Sam; Desde a procura de uma casa para morarmos até todos os trâmites burocráticos, que por incrível que pareça não ficam nada longe do Brasil.

Para o Jantar resolvi fazer pela segunda vez o Boeuf Borguignon o mesmo do Filme Julie and Júlia baseado na receita de Júlia Child, mas desta vez resolvi fazer umas adaptações, ficou bom, mas a receita original,e talvez por ter sido a primeira vez que tínhamos feito este prato parecia ter ficado mais gostoso, outra variável que pode ter alterado um pouco o sabor foi que desta vez usei um vinho Varietal (Merlot/Cabernet Suvignon). Também usei mais cenoura desta vez e a cor não ficou tão bonita quanto o da primeira vez. Mas mesmo assim estava uma delicia e tivemos uma noite super agradável.

A Chris ainda nos deu dois presentes, uma camiseta da UD (University of Delaware) para o Maurício e para mim não sei onde ela conseguiu mas ganhei uma camiseta que faz alusão ao apelido do nosso Blog aqui em Delawhere??

Nós também aproveitamos para presenteá-la com um scarf de Seda Pura que havíamos trazido do Sudeste da Ásia, ela adorou, principalmente por ser verde e estarmos nos aproximando de St. Patricks Day.

Mas vamos ao que interessa: Eis aqui os Treze mandamentos dos Bostelmann’s:

 1) Digitalizar o Passaporte e o formulário I-94

Essa parte foi bem tranquila, mas tivemos que ir na Best Buy comprar uma impressora com Scanner

2) Baixar/Pegar e preencher o formulário para o SSN – Social Security Number – fundamental para tudo, tudo mesmo segundo eles, uma espécie de CPF americano.

Como o terceiro mandamento diz tivemos que esperar 10 dias “’Uteis” depois da nossa chegada aqui para que os dados estivessem no sistema, bem só tenho um comentário a fazer eu não sei onde que se pode considerar os EUA como um país de primeiro mundo. 10 Dias úteis para aparecer no Sistema?? Meu Deus que Sistema é Esse, movido a roda dagua???

E de Fato como eles comentaram desde a primeira vez o tal do SSN é necessário para tudo mesmo.

3) Após +/- 10 dias no país, a informação do I-94 estará no banco de dados dos EUA e é hora de ir a uma agência do SSN e dar entrada na documentação – é simples, mas tem a burocracia e a espera – não tem agendamento e é por ordem de chegada – segundo eles é para a gente se preparar que a fila é grande.

Depois dos 10 Dias Úteis fomos com a Chris até o Escritório do Social Security fazer o bendito SSN, como já era de se esperar fomos cedinho antes do lugar abrir para evitar muita fila, mas de fato não chegou a ser muito demorado, mas como já era de se esperar eu não pude fazer o meu por ter um visto do tipo B2, mas consegui uma carta de não elegibilidade. Mas ate agora ela não serviu para nada.

4)Receberemos pelo SSN pelo correio, no endereço que vocês indicarem, um cartão com o número e instruções de guarda e uso.

Recebemos o cartão do Maurício pelo correio cerca de uma semana depois. Um Horror um cartão feito numa cartolina,com o numero digitado numa maquina de escrever, o CPF do Brasil é 1000x melhor, embora até hoje não sei porque ele tem aquela tarja de cartão magnético na parte de trás.

5)Falando em endereço, eles sugerem antes de qualquer passo burocrático, devemos providenciar um – essa uma das principais funções da Empresa – mas segundo a experiência deles deve ser simples, pequeno (suficiente para facilitar toda a manutenção e mobília), bem localizado e com garagem.

Nós utilizamos o endereço de nossa acomodação temporária em Greenville. pois nesta época ainda estávamos olhando as casas e quase fechando o nosso contrato de aluguel.

6)Imediatamente após obter o SSN, devemos informar ao órgão competente através de um formulário específico – o Banco – Conta-corrente – para que a partir daí todas as informações da conta sejam vinculadas ao SSN e assim, o Banco informa periodicamente as agências de crédito o histórico de crédito que ajuda em qualquer financiamento, obtenção de cartão de loja, etc… eles contam que mesmo morando nos EUA a mais de um ano ainda não tem nenhum e nem querem mais, o processo é demorado e eles acabam comprando tudo a vista pagando com o Cartão de Crédito.

Esse bendito SSN é a sua vida aqui nos EUA, sem ele você não é praticamente ninguém aqui, você não tem credito e qualquer coisa que você queira comprar que tenha um contrato como telefone com conta por exemplo você é obrigado a pagar um deposito exorbitante, há tempos estávamos querendo um iPhone da Apple, mas como em Cingapura também existia contrato e já estávamos quase no final do nosso posting acabamos desistindo da ideia, mas quando ficamos sabendo que iríamos mudar para os EUA, obviamente pensamos que poderíamos ter um, mas quando fomos tentar comprar já tendo o tal do SSN a ATT pediu um depósito de 500 USD por aparelho ou seja impraticavel.

Mas para ser honesto o SSN e o tal do Credit history enchem mesmo o saco no começo quando você esta se instalando já que até para os serviços públicos como agua, luz, internet, TV e telefone tivemos que colocar um depósito, mas no caso da TV, Internet e Telefone pesquisamos a operadora que tinha os melhores preços e menor depósito e ainda sim tivemos que pagar cerca de 350 USD de depósito.

Todo dia era uma nova surpresa, um novo depósito o que eu reclamei disso não vou nem comentar, mas deixo uma pergunta no ar, se mesmo com todo esse controle sobre o credito tudo atrelado ao Social Security Number como é que esse país conseguiu se meter numa crise deste tamanho? Bem mas mesmo assim fizemos e quem sabe daqui uns 6 meses tenhamos um histórico de Crédito.

7)Carro: apesar de o custo de um não parecer tão caro eles dizem que não é barato não (esquecendo qualquer comparação com o Brasil). A Manutenção é cara, como eles rodam muito e portanto queimam muita gasolina, óleo, pneu, filtros, etc e tal. O Seguro é mais caro ainda e tem que fazer diversas cotações antes de comprar. É semestral. No primeiro semestre eles pagaram $900 e no segundo $750 (outra companhia e fizemos cotações mesmo), portanto no ano eles pagaram US$1.650. O Casco para o caso deles é pouco e deve consumir uns 25% do custo, o restante é responsabilidade civil, terceiros, obrigatório lá e pode variar um pouco de Estado para Estado, mas eles advertem se formos rodar bastante é melhor estar preparado.

Como a Jumara falou não podemos comparar os preços de carro nos EUA e no Brasil por que você fica com vontade de Chorar, Carros como o Honda Civic e o Toyota Corolla, tidos como carros de “luxo”no Brasil aqui são considerados quase carros populares.

Quanto ao rodar muito realmente, aqui só pelo fato de a distancia entre as coisas ser em milhas já faz você andar mais embora quando a distancia pareça ser curta, mas por estarmos acostumados com as unidades de medidas no sistema de unidades internacional o sistema real usando milhas, polegadas,libras, pés, Jardas confunde bastante.

A Gasolina de fato é muito barata, embora tenha subido um pouco desde a nossa chegada aqui, infelizmente a todo momento que se vai abastecer o carro sabemos que essa gasolina barata tem “sangue” misturado das guerras que os EUA travam hoje para manter de forma velada seu controle sobre a produção e consequentemente o preço do petróleo. Tudo em nome do American Style of Life, com seus SUV’s gigantes que fazem 4 Km/L. Enfim.. sem falar nas mudanças climáticas que ai já e tema para um outro Post.

Quanto ao Seguro seguindo a recomendação fizemos diversas cotações e acabamos fechando com a Nationwide, e por não termos a carteira de motorista local estamos pagando bem mais caro, e como não tenho um SSN aqui em Delaware não posso tirar a carteira de motorista.

Isto é um outro aspecto bem curioso desse país você tem a sensação de estar num país com outros 50 países dentro dele, pois cada estado tem uma lei diferente, em Nova York eu poderia tirar a carteira de motorista com a carta de recusa do Social Security, mas por outro lado teria que assistir a 5 horas de aulas sobre álcool drogas e direçao.

8)Comprar carro. Eles compraram um carro usado antes da crise pagaram US$7mil e agora vale US$4/5mil para troca em um novo, mas isto é outra coisa. Segundo eles não vale a pena imobilizar muito capital num carro, principalmente quando o prazo de uso é pequeno, pois ao sair dos USA o que vamos fazer com o carro? Vender para quem? Mercado, pelo que dizem, é só em troca por outro mais novo ou queimar mesmo nas grandes revendas de usados (Carmax.com é a maior de lá). Perde-se muito dinheiro, a sugestão deles é comprar um usado legal e se possível que possamos vender depois para o mesmo que lhes vendeu, mesmo perdendo um pouco. Eles contam que até foram ver um novo “dos sonhos” e acabaram não fazendo nada pois quando pensaram no prazo que estão programados para ficar lá, no custo e mais ainda no que fazer ao final, mesmo sabendo que era o nosso ’sonho de consumo’.

Apesar de saber que o carro irá desvalorizar acabamos optando por pegar um Carro Zero, afinal não é qualquer lugar do mundo que você consegue comprar um SUV zero por menos de 25.000 USD, bem pensando pelo aspecto ecológico um SUV não e a melhor opção, mas se a gente não comprar outro americano iria comprar da mesma forma e apesar dos pesares estamos mais do que satisfeitos. Afinal de contas por termos chegado bem no meio da crise as montadoras com seus carros “encalhados”estavam dando otimos incentivos para se ver “livre dos carros modelo 2009.

9) Após alugar o imóvel teremos que providenciar:

a) ligação de energia (que pode ser feita pelo telefone mesmo coisa que aqui nem precisamos nos incomodar)

Quando mudamos para a casa nova no primeiro mês pagamos a conta diretamente ao proprietário, depois ligamos na empresa e trocamos para nosso nome, e adivinha, tivemos que pagar o deposito por não ter o Histórico de Credito, mas tudo bem.

Mas com uma casa grande levamos um susto com o preço das contas de Luz e Gás, principalmente agora por ser inverno, digo um dos Invernos mais rigorosos dos últimos anos a conta veio caríssima, até baixamos a temperatura dentro de casa para ver se a conta diminui e não fez grande diferença, agora estou baixando ainda mais durante o dia e aumentando inicio da noite e vamos ver na conta de Março se surte algum efeito.

b) ligação de água e esgoto: no caso deles, foram na Prefeitura que é e provedora do serviço e ativaram – eles agendarão a ligação para o dia seguinte e funciona.

Como tudo isso já estava ligado, só foi necessário ligar, pagar o depósito, mas o que acho estranho é que essa conta é semestral aqui.

c) Cabo para TV, Net e Fone: contrataram a companhia que presta o serviço para a região e como em Cingapura e provedora de TV a cabo, Internet e Telefone, aqui Celular.

Depois de pesquisar, e passar muita raiva com uma das empresas, uma vez que o SSN do Mau ainda não tinha chego e como prescisavamos pelo menos da Internet Funcionando na Casa Nova, esta empresa disse que iria instalar tudo mesmo sem o SSN, chegou no dia combinado para a instalação e ninguém apareceu, pois nosso processo estava pendente por estar faltando o bendito numero. Um dia depois o SSN chegou pelo correio, e para agendar uma nova data de instalação eles pediram até 10 dias. O que nos motivou a ir para a concorrencia, que instalou o Telefone e Internet em 2 dias. Inclusive num Sábado o dia que nevou aqui pela primeira vez.

Como o depósito para TV a Cabo deles era de mais de 300 USD e com contrato de 2 anos acabamos não pegando a TV a Cabo, no dia que o técnico veio instalar o Telefone e Internet, ficamos conversando com ele e ele disse que conseguiria liberar para gente os canais básicos e assim estamos. Ele era natural de Serra Leoa e havia morado na Alemanha.

d) Informar a Imigração o endereço residencial

Na verdade acho que ainda não fizemos isso de toda forma em nossa residência temporária eles tem nosso novo endereço

10)Caixa de Correio: fizeram seguinte talvez no nosso caso seja diferente: foram até a agência do correio mais perto da casa deles preencheram um formulário simples dizendo que houve mudança e que quem agora mora neste endereço é Fulano e Sicrano. O Correio providenciou a mudança da fechadura e chave (obviamente) da caixa de correio do imóvel e disponibilizou a nova para eles em 2/3 dias na mesma agência.

Como na nossa casa nunca havia morado ninguém essa parte não foi necessária, mas o correio aqui nos EUA é meio estranho.

11)Pagamento de contas: tudo é pelo correio ou pode ser débito em conta (nós não temos nada em débito em conta, para não terem pendencias quando forem embora. Eles pagam as contas da casa com cheques e enviam pelo correio. O restante das contas – consumo geral – pagam com o cartão de débito ou crédito.

Sem comentários, aqui não existe nada mais normal que mandar um cheque pelo correio para pagar sua conta, mas também é possível se pagar pelo telefone com o Cartão de Credito ou Debito, ou em alguns casos pela internet, mas não queremos colocar nada em debito automático pelo mesmo motivo.

Mas o mais absurdo de tudo até agora no que diz respeito a adaptação a vida nos EUA é não existir transferencia online de um banco para o outro (DOC), semana passada tinha que transferir o dinheiro pagar nossa conta de celular para nosso amigo Diego que gentilmente ofereceu para fazermos um plano familiar da ATT para pegarmos 3 iPhones usando o SSN dele sem pagar o Depósito já que ele tem um Credit History, e apesar de ele ter conta no Chase e ter um prédio enorme do Chase no centro de Wilmington, eles não tem agência em Delaware apenas a cerca de 60Km em New Jersey, então pensamos em mandar pelo internet banking, mas essa opção não existe aqui. Na verdade até existe mas a taxa é de 35 USD e o dinheiro leva até 7 dias ÚTEIS para chegar na conta destino, fala sério!!

 

12)Carteira de Motorista: é preciso fazer o agendamento logo após que nós tivermos o nosso SSN. Mas antes do dia D, temos que estudar o manual, pois teremos que fazer teste de vista, o teórico e o prático (isto mesmo, com o inspetor dentro do nosso carro).

Como não tenho o tal do SSN eu não posso ter carteira de Motorista de Delaware, o jeito e continuar a usar o trambolho da PID (Permissão Internacional de Direçao) que consegue ser uma caderneta maior que o passaporte, bem prático para carregar obviamente.

O Problema é que para se registrar o carro em Delaware precisamos ter um documento oficial que sirva como prova de residência no estado, normalmente se utiliza a carteira de motorista, como não posso ter ela, apenas o Maurício o jeito foi fazer o que se chama de Delaware ID, uma carteira de Identidade do Estado atrelada ao SSN, o Maurício ainda não foi fazer o teste, mas tem ainda cerca de 1 mês para continuar a dirigir com a PID dele de acordo com o Visto tipo L1 dele.

13) Telefone Celular: eles dizem que não tinham e acham que nem tem ainda o tal do histórico de crédito, fundamental para viver na América no estilo americano de vida. Eles resolveram simplificar e estão satisfeitos, compraram celulares pré-pagos.

Estávamos usando telefones pré-pagos o primeiro deles até foi a Chris Trincia que nos deu no nosso segundo dia aqui em Delaware, mas quando estivemos em Nova York o Diego ofereceu para fazermos um plano familiar e assim pagamos 2/3 da conta e as vezes nos perguntamos como é que a gente vivia antes sem um iPhone? Enfim Claro que dá para viver mas a comodidade de ter acesso a Internet e um Telefone celular na palma da mão é algo muito legal. Sem falar nos mais diferentes aplicativos disponiveis que vão desde Jogos, Previsão do Tempo, Noticias, Conversor de Unidades, Skype, MSN até mesmo um Hipsometro.

Enfim passados quase 4 meses desde nossa chegada aqui posso dizer, embora não gostando muito de dizer isso já que sempre fui um pouco anti-americano, mas estou tendo que dar o braço a torcer, estou adorando a experiência de viver aqui, apesar de toda neve que estamos pegando neste inverno que parece estar querendo recompensar o inverno que não tivemos lá em Cingapura. Estamos aproveitando bastante, e mal posso esperar para a primavera e verão começar e poder explorar ainda mais este país. Embora uma das partes mais complicadas seja fazer novos amigos, principalmente locais, mas isso aos poucos vai se ajeitando, aconteceu assim também em Cingapura, quando fizemos amigos de verdade estava na hora de ir embora, o lado positivo disso é que vamos fazendo amigos ao redor do mundo.

Dentro de algumas semanas estaremos embarcando para matar as saudades da terrinha, embora tivesse quase desistido de ir, mas fiquei surpreso ao descobrir esta semana que tenho milhas suficientes para viajar até o Havai, quem sabe pelo meu aniversário?

Índice com todos os Posts do MauOscar

Clique na Logo =>

Siga o MauOscar.com também no:

29 Comments
  1. Chris Trincia says

    Oscar, you have definately missed your calling. I love your blog; so informative. This would be a wonderful tool for anyone coming to live in the United States.
    The pictures from dinner the other night were very nice. I LOVE my scarf! Thanks again!
    Chris

  2. Fabian Lima says

    Mt bom o blog de voces, achei atraves do google, pois vou morar em Delawar a partir de fevereiro de 2010 e estou fazendo pesquisas . Estou empolgado com as fotos e os relatos. Obrigado!

    1. Mauoscar em Dela Where??? says

      Obrigado pela visita e volte sempre!!!

  3. Fabian Lima says

    fevereiro de 2011, corrigindo

  4. Jenny says

    Esta cada dia melhor o blog…. beijosss

  5. Mirelle says

    A idéia de escrever sobre os nossos sentimentos é mesmo muito boa. Fiz isso hoje, falando sobre a dificuldade de aprender o maldito francês. Tenho certeza que daqui um ano vou sentir coisas novas quando voltar e ler o post antigo.

    Muito bom saber que nao sou so eu que passa por isso!rs

    beijos!

    Mirelle

    1. Mauoscar em Dela Where??? says

      Oi Mirelle, acho que isso é normal mesmo!!
      Bem daqui um tempo voce comece a reler seus Posts voce vai ver como é legal!!
      Parabens seu Blog é bem bacana tb!!

      Abraçao

      Oscar

  6. karine says

    Pois é menino, fala sério, esse negocio de neve é bonito em Foto, mas no dia-a-dia só serve para atrapalhar caso você não esteja em uma estação de esqui, certo?

    Confesso que fiquie com uma certa invejinha de você, adoraria estar indo ao Brasil, mas acho que pela primeira vez não visitarei esse ano, talvez ano que vem.

    Você comentou sobre o Scarf verde, engraçado que o St.Patrick’s é uma festa bem popular nos E.U.A né? Afinal de contas, tem tanto irlandês por aí !

    Bjs

    1. Mauoscar em Dela Where??? says

      Pois é.. Eu adoro inverno, neve etc.. mas ja esta na hora de acabar… esse ano nevou de mais!!! Já deu para encher..
      Infelizmente nao vamos estar no St. Patricks Day… 🙁 As Lojas ja estao no maior Clima, vendendo um monte de bugigangas e enfeites, mas é uma data super comemorada aqui é quase como um Halloween depois do Inverno!!
      Ja estavamos sem ir ao Brasil desde final do Ano passado, na verdade parece que nem caiu a ficha que daqui uma semana a esta hora vou estar almoçando num restaurante Japones Maravilhoso em Curitiba!! rsrs

  7. Eliane Borgert-Sbrizza says

    Tbem sou de Ctba. Tem muuuito curitibano por aqui onde moro (nordeste de Boston). No meu trabalho (clinica), parece ate ironia, mas todos os(as) brasileiros(as) sao de Curitiba.
    Saudade da terrinha! Este sera o primeiro ano que nao irei pra la. Tenho algo em comum com vcs: gosto de conhecer lugares diferentes e este ano viajarei pra outras “bandas”.
    Boa viagem.

    1. Mauoscar em Dela Where??? says

      Legal Eliane, queremos conhecer Boston esse ano ainda, daqui uma semana estamos indo matar saudades da terrinha.
      Para onde vc esta indo viajar esse ano?

  8. Eliane Borgert-Sbrizza says

    Eu amo Boston. Fica linda na primavera e verao. Venham mesmo.
    No final da semana que vem irei a Aruba por uma semana (to precisando sentir calor).
    No verao estou planejando ir pra Montreal e Quebec City no Canada. Um dos meus colegas de trabalho e de Quebec City. No meu trabalho tem muita gente do sudeste asiatico tbem. Quem sabe um dia irei pra la tbem.

  9. mikix10 says

    Oi Oscar,
    POis é… essa fase de adaptação e readaptação em países diferentes é uma loucura, mas faz bem para a mente, não é mesmo? Eu sempre adorei as novidades que apareciam sempre que iamos para um lugara novo… as vezes dá dor de cabeça, mas depois é pura alegria.
    Mas vem cá, vcs não estão acahando mais fácil essa mudança? Depois da primeira mudança, as ouras parecem tão mais fáceis 🙂
    Bjs e até,
    Venham para TO 🙂

  10. Georgia says

    Oi Oscar!
    Bem, nem sei por onde começar, rsrs. Achei seu blog pelo google, estava em busca de ajuda! Estamos (eu e meu esposo) morando nos EUA e meio perdidos em relaçao a situaçoes praticas e importantes do dia a dia. Seu blog me esclareceu muita coisa, e tenho algumas perguntas bem especificas, alem de urgentes… Ja conversei com muitas pessoas, mas ainda nao entendi direito alguns sistemas por aqui. Sera que vcs podem me dar uma maozinha? Pergunto por aqui mesmo, ou seria melhor via email? Aguardo resposta! Obrigada por compartilhar das vitorias de vcs!

    1. Mauoscar says

      Georgia

      Acho que seria mais interessante você fazer a pergunta aqui mesmo.. Uma vez que ela pode ajudar outras pessoas que assim como você chegaram até aqui. Estarei aguardando para poder ajudar na medida do pos’sível

      Abraço

      Oscar

  11. Georgia says

    Oi Oscar, entao ta. Lá vai, rsrs. Preciso de orientaçao a respeito de 3 assuntos: o primeiro é planos de saude. Por um acaso vc ja tentou entender como esse negocio funciona aqui? rsrs! Eu ja li e reli varios artigos e varias propostas de planos, tenho uma noçao mas muito receio de contratar algo pra minha familia. Sei que existe dois tipos HMO e PPO, nao consigo entender como funciona o deductable anual e ainda tem o tal co-pay. Os americanos nao sabem dizer o que é “menos pior” e os brasileiros me dizem pra nao fazer plano nenhum e parcelar a conta carissima, se um dia eu precisar de internaçao ou algo do tipo.

    Segundo, meu SSN chegou. Eu devo ligar em todas as companhias de serviço e informar o numero? (como TV a cabo, Storage, Condominio). Ou nao é necessario? Eu fiz deposito na companhia de luz, como vc, e agora nao sei se deixo tudo como está ou se devo sair atualizando esse dado. O Banco tambem precisa dessa informaçao?

    E a ultima coisa… como consigo um cartao de credito se nao tenho credito?!!! kkkkk!!! Gente, que troço dificil! Eu apliquei uma vez, e a informaçao que me deram é que sem um historico de credito, nao vou conseguir ter um cartao. Ok… e como vou construir um historico SEM um cartao? Via pagamento de contas? Ja me falaram que pagar as contas em dia é bom, mas nao dá pra construir credito algum só com isso.

    Bem, agradeço toda ajuda e atençao que vc me der. Nao estou perguntando por preguiça, rsrs. Ja pesquisei e perguntei pra muitas pessoas e amigos, mas como a maioria NAO é legal no país, eles nao tem ideia de como funcionam essas coisas.

    Deus abençoe vcs! Abraco!

    1. Mauoscar says

      Olá Georgia..

      Desculpe a demora em responder.. Mas do Smartphone é dificil responder coisas longas..
      Vamos lá.. Quanto ao plano de saúde eu realmente não vou poder te ajudar muito, no nosso caso a empresa paga uma verdadeira fortuna para uma seguradora e não temos co-pays e etc.. Mas toda vez que vamos no médico é um inferno.. Ou a seguradora não paga por falta de algum dado, ou a secretaria do médico preenche o formulario errado.. De toda forma apesar de a empresa pagar quase 30.000 USD anuais pelos nossos planos de assistencia médica / odontológica aqui.. Mês passado fomos fazer uma consulta tipo Check-Up e depois descobrimos que o plano só paga consulta caso você esteja doente.. Consultas preventivas é por sua conta.. Ou seja ridículo…. Eu concordo que os Planos de saude aqui são absurdos.. Mas em caso de necessidade real esse tipo de serviços médicos e hospitalares são verdadeiramente absurdos. E pior de tudo caso você tenha que fazer uma cirurgia por exemplo.. Num hospital você tem contas separadas, uma para o infermeiro, outra para o hospital, outra para o anestesista.. Por isso tem que se tomar muito cuidado e saber de tudo certinho antes de qualquer procedimento, pois já escutei casos de surpresas desagradáveis..

      Quanto ao SSN eu recomendaria voce informar esse o número o quanto antes..Principalmente ao seu Banco se você ja tiver uma conta corrente… Desta forma você consiguirá começar a formar o terrivel Credit History… Para dizer a verdade eu acho ridiculo essa história de historico de credito.. Se isso realmente fucionasse o país não teria entrado na crise que entrou.. Depois que você esta devidamente instalado com seu cartão e credito e tudo mais esse número do SSN e o credit history não serve para quase nada… Mas te digo.. no começo da uma dor de cabeça infernal..

      Quanto ao cartão de crédito.. esse é realmente complicado.. Somente agora depois de 1 ano por aqui com um pouco de credit history é que seriamos elegiveis aos cartões de crédito.. E para dizer a verdade agora chega a ser irritante a insistencia de alguns bancos e financeiras para que você aceite o cartão deles.. Não passa uma semana sem recebermos uma proposta de CC pelo correio.. Isso quando não ligam, para voce no final de semana.. Quando chegamos não conseguiamos crédito nem com reza brava..

      No nosso caso apesar de não termos histórico de crédito, assim que chegamos aos EUa já tinhamos nosso cartão de crédito americano pelo fato de sermos clientes Premier do HSBC em outros países, o banco emitiu um cartão para gente com base em nosso histórico de crédito em outros países. Mas por exemplo queriamos fazer o cartão da Macys, ou qualquer outra loja não dava certo. Até mesmo o cartão da Best Buy que parcela as compras em até 18x sem juros que é emitido pelo HSBC nos EUA.. Mas como eles utilizam os dados do SSN para consultar o crédito o cartão era sempre negado.. Por sinal tome cuidado, eu não sei se de fato isso é verdade ou se é lenda.. Mas o fato de você aplicar para um CC e ter ele negado puxa seu Histórico de crédito para baixo.

      Espero ter ajudado pelo menos um pouco.. Mas logo logo as coisas se resolvem…
      Por sinal onde vcs estão morando?

  12. Georgia says

    Oi Oscar! Obrigada pela resposta atenciosa e rapida!

    Desculpe, nem comentei sobre direito sobre nós. Estamos morando em Boca Raton, na Florida. Gostamos muito daqui, porque preferimos o clima quente e adoramos praia! Tivemos a experiencia de morar em Atlanta tambem, mas pegamos um inverno muito rigoroso…

    Suas informaçoes ajudaram demais! Acredito que a melhor saída pra questao do cartao de credito, seja fazer mesmo um secured credit card. Funciona como uma poupança: vc faz um deposito e ele fica de cauçao pra vc usar o cartao de credito. Já é alguma coisa, ne?

    Acabei de renovar a drivers license… que loucura!!! Quatro horas de espera e isso porque eu estava com horario marcado! Acho que esse sim, é o documento mais importante aqui, rsrs!

    Keep in touch! Thanks a lot!

    1. Mauoscar says

      Legal.. Estamos indo para Orlando daqui 2 semanas.. Será nossa primeira vez na Florida…
      Nem me fale de inverno rigoroso.. Hj mesmo de manha fez -3C

      Espero ter ajudado um pouco.. vnha sempre nos visitar aquino Blog

      Abraço

      Oscar

  13. Georgia says

    Que bom vcs virem conhecer a Florida! Tenho certeza que o clima vai agradar, rsrs.

    Vão fazer o Natal do Magic Kingdom? Estive lá pra festa de Haloween, foi maravilhoso! O parque é infantil, mas é irresistivel! Alias, é impossivel nao entrar no clima de qualquer um dos parques…

    Curtam bastante e se quiserem alguma informaçao, entre em contato!

    Fiquem com Deus!

    1. Mauoscar says

      Oi Georgia..
      Então vamos ficar 5 dias em Orlando.. Acho que vai ate dar para cansar de parques.. rsrsr O Magic Kingdom está nos Planos tb

      Apareça sempre por aqui

      Bjs

  14. MauOscar

    […]  Adaptando-se a Vida nos EUA […]

  15. […]  Adaptando-se a Vida nos EUA […]

  16. José Henrique says

    Olá MauOscar!
    Estarei passando 3 meses nos Estados Unidos e ainda estou em dúvida como vou fazer pra me comunicar com o Brasil e por aí… vcs tem alguma dica?
    Uma outra dúvida que eu tenho é: pretendo adquirir um Iphone 4S desbloqueado e usar ele nos EUA com um plano pré-pago da AT&T, é possível? Como eu faço pra adquirir um chip e colocar créditos?

    Obrigado!

    1. MauOscar says

      José Henrique

      A melhor forma de se comunicar com o Brasil é atraves do Skype (pelo menos essa é a forma que nos usamos para manter contato com familia e amigos)…
      Quanto a compra do iPhone 4s desbloqueado, apesar de ser relativamente complicado de encontrar na loja da Apple (pelo menos quando comprei um para mandar para o Brasil), o maior complicador é o fato que apesar de você poder fazer um plano pre-pago na AT&T eles não liberam (liberavam até Novembro 2011) o plano de dados.. Desta forma você fica refém de um contrato de 2 anos caso queira ter num unico chip o plano de voz e de dados… (Eles fazem isso justamente para fazer com que os americanos fiquem com contrato com a empresa)..
      Estavamos querendo comprar um iPhone 4s desbloqueado para levarmos para nosso proximo destino a partir da metade do ano.. Mas depois que descobrimos essa palhaçada resolvemos esperar.. Até porque rolam uns boatos que o iPhone 5 devera ser lançado ate o final deste ano..

      Se for para levar para p Brasil não é problema.. O Problema é usar aqui combinando dados e voz num unico Chip.. Talvez isso tenha mudado

      Abraço

      1. José Henrique says

        Putz…. será? O engraçado é que no site da AT&T eles anunciam planos pre-pagos (GoPhones) com Dados… será q é mentira?

        Andei pesquisando na internet e vi num blog uma maneira de conseguir usar o Iphone com prepago. Funciona assim:
        1. Compre o chip (simcard) 3G(ou 4G) pelo eBay (já vi e tem mesmo…);
        2. Ative-o ligando no número gratuito da AT&T;
        3. Escolha o plano e depois compre numa loja da AT&T um cartão para colocar créditos;
        4. Coloque o chip e é só usar.

        Não sei se funciona, mas foi a opção mais próxima de dar certo que eu encontrei… vcs já ouviram falar desse procedimento? Dá certo será?

        Abração!

        p.s.: Li o post de vcs sobre as 5 viagens mais românticas. Ficou show! E descobri que cs já estiveram aqui na minha cidade, Joinville/SC. : )

        1. MauOscar says

          José Henrique

          Para tirar a dúvida resolvi ligar na AT&T, fiquei esperando 45 minutos para o atendente conseguir levantar a informação e minha bateria acabou….
          Quando cogitamos comprar o iPhone 4s desbloqueado desistimos da idéia justamente por conta desta palhaçada de contrato.. Pelo que eu entendi o iPhone 4 e 4s utilizam um tipo diferente de chip e aparentemente as operadoras e a Apple fizeram um esquema para fazer o cliente ser obrigado a comprar o telefone com contrato..

          Nos outros telefones não é para ser problema.. O problema mesmo esta no fato de você nao encontrar o tal do micro chip pre-pago com dados e voz.. Infelizmente não consegui checar se houve alguma mudança neste sentido nos últimos meses..Afinal de contas o 4S tinha acabado de ser lançado

          Abraço

          Morei boa parte da minha infância em Jlle, por sinal minha mãe mora até hoje por ai…

          1. José Henrique says

            Palhaçada mesmo…. e a gente acha que só no Brasil tem essas coisas… tsc tsc tsc… de qualquer forma obrigado pelo seu esforço em tentar nos ajudar (45 minutos com operadoras de celular, ninguém merece…)!!!!

            Nossa, como esse mundo realmente é pequeno…. tu és natural daqui de Joinville? Tem contato com o pessoal daqui ainda?

            Abraço!

          2. MauOscar says

            José Henrique

            Na verdade a familia da minha mãe é toda daí.. Mas eu nasci em SP e morei em Joinville dos 10 aos 17 anos..

            Abraço

Leave A Reply

Your email address will not be published.